Quantcast

Citações do Osho sobre a Meditação

Citações do Osho sobre a Meditação

Meditação É Uma Morte
 
"A meditação é uma morte – morte de tudo que você é agora. Claro que haverá uma ressurreição, mas será de um ser totalmente novo, fresco, original, do qual você nem está ciente que está escondido em você.
Acontece na poesia, na música, na dança, por apenas um pequeno momento você desliza para fora de sua personalidade e toca sua individualidade. Mas porque acontece apenas por um pequeno momento você não tem medo; você sempre volta.
 
Na meditação, uma vez que você entrou, você está dentro. Então, mesmo quando você ressuscita, você é uma pessoa totalmente diferente. A personalidade antiga não será encontrada em lugar algum. Você tem que começar sua vida novamente do ABC. Você tem que aprender tudo com olhos frescos, com um coração totalmente novo. É  por isso que a meditação cria o medo."
 
Osho, Rinzai: Master of the Irrational, Capítulo #1
Para continuar lendo em inglês clique aqui.
 
 
Meditação é o Bastante
 
É num mundo muito irracional, quase insano, que você está vivendo. Se você puder cuidar de apenas meditar, você terá feito mais do que o esperado do homem contemporâneo. E sua meditação está indo bem. Simplesmente siga dizendo: "Meu Deus!" Na meditação, nunca surge nenhum precipício. E você não tem que se lembrar de dizer "Amém" – não há necessidade.
 
Lentamente, lentamente, a meditação se transforma na sua iluminação. De repente você se torna consciente um dia. Onde está aquela escuridão? Onde está aquela precipitação contínua de pensamentos? Para onde foi a mente? De repente você está absolutamente tão oco quanto um bambu; mas sua vacuidade não está vazia – está repleta de alegria e repleta de júbilo. Você dançará por razão nenhuma, você cantará por razão nenhuma, canções que você não compôs, danças que você não aprendeu. Elas estão simplesmente borbulhando espontaneamente em sua consciência.
 
Isso é iluminação, mas não a torne um objetivo.
Meditação é o suficiente.
Tudo o mais segue por si só.
 
Osho, The Great Pilgrimage: From Here to Here, Capítulo #9
Para continuar lendo em inglês clique aqui.
 
 
A Mente Não Pode Fazer Nada Sobre Meditação
 
Concentração não é meditação: concentração é uma faculdade da mente. A mente concentra; meditação é a ausência de mente. A mente não pode fazer nada acerca de meditação. Ela simplesmente não conhece meditação, e não há possibilidade intrínseca para a mente de alguma vez entrar em contato com a meditação. Assim como eu disse antes, a escuridão não pode entrar em contato com a luz porque a escuridão é apenas uma ausência – assim é a mente.
 
A mente é a ausência de meditação.
 
No momento em que a meditação surge em você, a mente não é encontrada em lugar algum.
 
Osho, The Great Zen Master Ta Hui, Capítulo #11
Para continuar lendo em inglês clique aqui.
 
 
Meditação e Amor São a Mesma Experiência
 
Osho,
Amor e meditação parecem ser polaridades opostas. Por favor, você pode falar para nós sobre como crescer em meditação e em intimidade com o amado.
 
"Você não sabe nem o que é amor, nem o que é meditação. Mesmo assim, você está perturbada pela questão. Para você, amor e meditação parecem ser polaridades opostas – eu me pergunto onde você arrumou essa idéia? Se amor e meditação são polaridades opostas, então nada neste mundo pode estar perto de qualquer outra coisa. Mas eu sei que todas as antigas religiões também estiveram sob a mesma falácia.
 
Os meditadores tem estado fugindo para as montanhas para evitar o amor, e os amantes nunca se preocuparam com a meditação porque eles sabiam que se eles meditassem, sua vida amorosa estaria acabada. Tem sido uma das mais longas falácias com que a humanidade conviveu. O amor é um silêncio, uma alegria, uma paz, uma bem-aventurança entre duas pessoas. Mas por haverem duas pessoas, às vezes elas não combinam.
 
Meditação é a mesma experiência de silêncio e paz e bem-aventurança – mas isolada. Mas se dois meditadores se amam, então as coisas vão para o pico mais elevado. Se um meditador consegue alcançar um certo pico em sua bem-aventurança, em seu silêncio, dois meditadores que se amam podem tornar-se um apoio imenso entre si no vôo para o desconhecido. Seu amor pode tornar-se uma nutrição para sua meditação, e vice-versa, sua meditação pode tornar-se uma nutrição para o seu amor.
 
Este é o ponto onde me diferencio de todas as religiões do passado. Elas fizeram do amor e da meditação polaridades, linhas paralelas que não se encontram em lugar nenhum.
Para mim, um homem de meditação está fadado a ser imensamente amoroso."
 
Osho, The Golden Future, Capítulo #31
Para continuar lendo em inglês clique aqui.
 
 
Meditação Não Precisa de Técnica
 
"Você terá que compreender uma das coisas mais fundamentais sobre meditação – que nenhuma técnica leva à meditação. As antigas assim-chamadas técnicas e as novas técnicas científicas de biofeedback são o mesmo, no que diz respeito à meditação. Meditação não é um subproduto de alguma técnica.
A meditação acontece além da mente. Nenhuma técnica pode ir além da mente.
 
Mas vai haver um grande mal-entendido nos meios científicos, e isso tem uma certa base. A base de todo mal-entendido é: Quando o ser de uma pessoa está num estado de meditação, isso cria certas ondas na mente. Estas ondas podem ser criadas do exterior  por meios técnicos. Mas essas ondas não criarão meditação – este é o mal-entendido.
 
A meditação cria essas ondas; é a mente refletindo o mundo interior. Você não pode ver o que está acontecendo lá dentro. Mas você pode ver o que está acontecendo na mente. Agora existem instrumentos sensíveis... nós podemos avaliar que tipos de ondas estão lá quando uma pessoa está dormindo, que tipos de ondas estão lá quando uma pessoa está sonhando, que tipos de ondas estão lá quando uma pessoa está em meditação.
Mas por criar as ondas, você não pode criar a situação – porque essas ondas são apenas sintomas, indicadores. Isso é perfeitamente bom, você pode estudá-los. Mas lembre-se que não existe atalho para a meditação, e nenhum dispositivo mecânico pode ser de alguma ajuda. Na verdade, a meditação não necessita de técnica – científica ou de outro tipo. Meditação é simplesmente uma compreensão.
 
Não é uma questão de sentar-se silenciosamente, não é uma questão de entoar um mantra. É uma questão de compreender os funcionamentos sutis da mente. Ao compreender esses funcionamentos da mente, uma grande atenção surge em você, que não é da mente. Essa atenção surge em seu ser, em sua alma, em sua consciência."
 
Osho, Beyond Enlightenment, Capítulo #29
Para continuar lendo em inglês clique aqui.
 
 
Estar Consigo É Meditação
 
"Uma vez que você se volta para dentro, a meditação começou. Meditação significa a capacidade de ser alegre sozinho, a capacidade de ser feliz consigo próprio, a capacidade de fazer companhia a si próprio. Estar consigo próprio é meditação. Não há necessidade do outro na meditação: a alegria da solidão, não a miséria da solidão, é meditação.
 
Meditação, no Oriente, não é o que é compreendido no Ocidente por essa palavra. No Ocidente, meditação significa contemplação: meditar sobre Deus, meditar sobre a verdade, meditar sobre o amor.
 
Meditação, no Oriente, tem um significado totalmente diferente, exatamente o oposto do significado Ocidental. No Oriente, meditação significa nenhum objeto na mente, nenhum conteúdo na mente; não meditar sobre alguma coisa, mas abandonar tudo NETI, NETI, nem isto nem aquilo. Meditação é esvaziar a si próprio de todo conteúdo. Quando não existe nenhum pensamento movendo-se dentro de você, existe quietude; essa quietude é meditação. Nem mesmo uma ondulação surge no lago de sua consciência; esse lago silencioso, absolutamente imóvel, isso é meditação. E nessa meditação você saberá – você saberá o que é a verdade, você saberá o que é o amor, você saberá o que é religiosidade."
 
Osho, The Dhammapada: The Way of the Buddha, Vol. 6, Capítulo #1
Para continuar lendo em inglês clique aqui.
 
 
Música e Meditação Deveriam Andar Juntas
 
"Para mim, música e meditação são dois aspectos do mesmo fenômeno. E sem música, falta algo à meditação; sem música, meditação é um pouco maçante, sem vida. Sem meditação, música é simplesmente barulho – harmonioso, mas barulho. Sem meditação, música é um entretenimento. E sem música, a meditação torna-se cada vez mais negativa, tende a ser orientada para a morte.
Daí minha insistência em que musica e meditação deveriam andar juntas. Isso acrescenta uma nova dimensão – para ambas. Ambas são enriquecidas por isso."
 
Osho, The Dhammapada: The Way of the Buddha, Vol. 1, Capítulo #2
Para continuar lendo em inglês, clique aqui.
 
 
Meditação é uma Qualidade de Ser
 
"Meditação é uma qualidade de ser que traz você para o ato. Não é um ato especifico, não é que você faça isto então é meditação – que você sente em uma certa postura, siddhasana, e você mantenha sua espinha ereta, e você mantenha seus olhos fechados ou você olhe para a ponta do seu nariz ou você observe sua respiração, então é meditação – não: esses são apenas dispositivos para os novatos...
 
Você sabe que as palavras ‘meditação’ e ‘medicamento’ vem da mesma raiz? Meditação é um tipo de medicamento – seu uso é apenas para o momento – uma vez que você aprendeu a qualidade, então você não precisa de nenhuma meditação específica, então a meditação tem que se espalhar por toda sua vida. Somente quando você estiver meditativo vinte e quatro horas por dia então você pode atingir, então você atingiu. Até dormir é meditação."
 
Osho, The Sun Rises in the Evening, Capítulo #7
Para continuar lendo em inglês clique aqui.
 
 
Corra Atrás da Meditação
 
"Quando eu uso as palavras ‘jornada interior’, quero dizer apenas que você tem olhado para um aspecto da jornada em sua vida, chamado ‘exterior’; agora tente olhar para outro aspecto da jornada, chamado ‘interior’. Você tem corrido atrás de dinheiro, agora corra atrás da meditação. Você tem corrido atrás de poder, agora corra atrás de Deus. Ambos são correr. Uma vez que você comece a correr atrás da meditação então um dia eu lhe direi: ‘Agora abandone a meditação também. Agora pare de correr’. E quando você para de correr então a verdadeira meditação acontece."
 
Osho, The Wisdom of the Sands, Vol. 2, Capítulo #3
Para continuar lendo em inglês clique aqui.
 
 
A Oração É uma Consequência da Verdadeira Meditação
 
"Kabir sugerirá meditação, Buda sugeriu meditação, eu sugiro meditação. Meditação é uma abordagem diferente: não tem nada a ver com Deus, tem algo a ver com você, com sua mente. Ela tem que criar um silêncio dentro de você, um profundo silêncio absoluto. Nesse silêncio absoluto você começará a sentir a presença de Deus.
 
A oração é uma consequência da verdadeira meditação. Apenas um meditador pode orar porque ele conhece, porque ele sente; porque agora a presença de Deus não é apenas um raciocínio, não é uma coisa lógica, mas algo experienciado, algo vivido. E então a oração não é mais uma queixa. Então a oração é uma rendição, então a oração é amor puro – nenhum desejo amarrado a ela, nenhuma condição. É pura gratidão.
Deixe a oração vir após a meditação. Você medita. A meditação preparará seu coração, ela limpará você. Ela limpará você de seus pensamentos, ela jogará fora todo lixo que você tem estado carregando em sua cabeça por eras, por vidas; ela criará espaço para a oração acontecer. Meditação é como preparar o terreno para um roseiral: a oração é como uma rosa. Primeiro você tem que preparar o terreno, você tem que remover as ervas, você tem que mudar o solo, você tem que jogar fora todas as pedras.
 
A meditação prepara o canteiro. E apenas em um canteiro preparado você pode plantar rosas. Caso contrário as ervas sobrepujarão suas rosas e as ervas explorarão o solo todo e suas rosas não terão muito, serão rosas pobres. E se existem pedras no solo, o crescimento das rosas será atrofiado.
 
"Primeiro prepare o terreno, então a oração acontece por si só. Oração é algo que você não pode fazer. A meditação é algo que você pode fazer porque tem algo a ver com sua mente."
 
Osho, The Revolution, Capítulo #2
Para continuar lendo em inglês clique aqui.
 
 
Ciência É Pensamento, Religião É Meditação
 
"O fracasso do pensamento é o despertar da meditação.
 
Ciência é pensamento, religião é meditação. Se você pensa sobre Deus, isso é filosofia, não é religião. Se você vive Deus, então é religião.
 
Se você está olhando para uma flor de lótus e pensando nela, então isso é ciência, filosofia, estética. Mas se você está simplesmente olhando para a flor de lótus... O olhar é puro, não contaminado por nenhum pensamento, e a flor de lótus não é considerada um problema mas apenas uma beleza para ser experienciada... você está lá, a flor de lótus está lá, e não há nada no meio – apenas o vazio, ninguém fica entre você e a flor – isto é meditação.
 
Então a flor não está fora de você, porque não há nada para dividir como o de dentro e o de fora. Então a flor de lótus de alguma forma está dentro de você e você está de alguma forma dentro da flor de lótus. Vocês fundem-se um no outro; as divisões são perdidas, as fronteiras tornam-se obscuras. O lótus começa a tocar seu coração e seu coração começa a tocar o lótus. Há comunhão. Isto é meditação."
 
Osho, I Say Unto You, Vol. 1, Capítulo #10
Para continuar lendo em inglês clique aqui.
 
 
Meditação Não É Concentração
 
"Meditação não é concentração. Na concentração há um sujeito se concentrando e há um objeto acerca do qual se  concentra. Existe dualidade. Na meditação não há ninguém dentro e nada fora. Não é concentração. Não há divisão entre o dentro e o fora. O dentro segue fluindo para o fora, o fora segue fluindo para o dentro. A demarcação, o limite, a fronteira, não existe mais. O dentro é o fora, o fora está dentro; é uma consciência não dual.
Concentração é uma consciência dual: é por isso que a concentração cria cansaço; é por isso que quando você se concentra, você sente-se exausto. E você não pode se concentrar por vinte e quatro horas, você terá que tirar férias para descansar. A concentração nunca pode tornar-se a sua natureza. A meditação não cansa, a meditação não o esgota. A meditação pode tornar-se uma coisa de vinte e quatro horas – dia após dia, ano após ano. Ela pode tornar-se a eternidade. É o próprio relaxamento."
 
Osho, The Heart Sutra, Capítulo #7
Para continuar lendo em inglês clique aqui.
 
Você Pode Ver Agora Mesmo
 
“Meditação é uma percepção que todos os objetivos são falsos. Meditação é uma compreensão que desejos não levam a lugar nenhum. Vendo isso... E isto não é uma crença que você pode obter de mim ou de Buda ou de Jesus. Não é conhecimento; você terá que ver. Você pode ver agora mesmo!
 
Osho, The Heart Sutra, Capítulo #7
Para continuar lendo em inglês clique aqui.
 
Tem Que Tornar-se uma Espécie de Clima
 
Meditação não é algo que você faz de manhã e você terminou, meditação é algo que você tem que seguir vivendo a cada momento de sua vida. Caminhando, dormindo, sentado, conversando, ouvindo – tem que tornar-se uma espécie de clima. Uma pessoa relaxada permanece nele. Uma pessoa que segue abandonando o passado permanece meditativa."
 
Osho, The Heart Sutra, Capítulo #7
Para continuar lendo em inglês clique aqui.
 
 
Amor E Meditação São Dois Aspectos Da Mesma Moeda
 
"Onde quer que você perceba a autoconsciência desaparecendo – no álcool, no amor, na meditação – você sente-se bem. Mas o álcool não pode lhe dar um estado permanente: o amor pode lhe dar isso, mas essa possibilidade é muito, muito difícil. Lembre-se, o amor é mais difícil que a meditação porque amor significa viver com o outro e sem o self. Meditação significa viver consigo próprio, esquecendo o outro completamente – é uma dimensão menos difícil que o amor. É por isso que os que podem amar não precisam de meditação: eles alcançarão através do amor...
 
Se você crescer no amor, a meditação acontecerá como uma sombra. Amor e meditação são dois aspectos da mesma moeda; se você obteve controle de um aspecto, o outro o segue. Se você meditar, o amor seguirá, se você amar, a meditação seguirá. Isto você tem que escolher. Meditação é mais fácil, o amor é difícil. A menos que você queira mover-se para a dificuldade desnecessariamente – isso cabe a você decidir; caso contrário com a meditação o amor vem automaticamente."
 
Osho, Returning to the Source, Capítulo #8
Para continuar lendo em inglês clique aqui.
 
 
Meditação Não É Um Fazer
 
"Meditação significa estar em estado de não-fazer. Meditação não é um fazer mas um estado de ser. É um estado de ser em si mesmo."
 
Osho, The Perfect Way, Talk #2
Para continuar lendo em inglês clique aqui.
 
 
Leia mais tópicos Osho nos Destaques do Mundo do Osho.
 
Para encontrar mais Citações de Osho sobre Meditação ou qualquer assunto em que você possa estar interessado, você pode visitar a Biblioteca Online Osho. Esta biblioteca gratuita contém mais de 225 livros de Osho que podem ser lidos ou pesquisados por palavras-chave ou frases.