Quantcast

Osho Osho On Topics J. Krishnamurti

J. Krishnamurti

Krishnamurti falhou porque ele não pode tocar o coração humano, ele só poderia alcançar a mente humana. O coração precisa de algumas abordagens diferentes. Este é o assunto em que eu discordei dele toda a minha vida: a menos que o coração humano seja atingido, você pode repetir feito  papagaio, com palavras bonitas – e  elas não significam nada. O que quer que Krishnamurti estava dizendo é verdade, mas ele não conseguia relacioná-la com o seu coração. Em outras palavras, o que eu estou dizendo é que J. Krishnamurti foi um grande filósofo, mas ele não pode tornar-se um mestre. Ele não podia ajudar as pessoas, preparar as pessoas para uma nova vida, para uma nova orientação.

Mas ainda assim eu o amo, porque entre os filósofos,  ele é o que mais se aproxima do caminho místico da vida. Ele próprio evitou o caminho místico, ignorado-o, e esta  é a razão para o seu fracasso. Mas ele é o único entre os pensadores contemporâneos modernos que chega muito perto, quase na linha da fronteira do misticismo e pára por aí. Talvez ele esteja com medo de que, se ele falar sobre misticismo as pessoas vão começar a cair nos velhos padrões, nas antigas tradições das filosofias do misticismo. Esse medo impede-o de penetrar. Mas que o medo também impede outras pessoas penetrem  nos mistérios da vida.

Eu conheci milhares de pessoas que estiveram com Krishnamurti – porque qualquer pessoa que tenha se interessado por Krishnamurti, mais cedo ou mais tarde, é obrigada a encontrar o seu caminho em minha direção, porque onde Krishnamurti os deixa,  posso tomar suas mãos e levá -los para o santuário mais íntimo da verdade. Você pode dizer que a minha ligação com Krishnamurti é que Krishnamurti tem preparado o terreno para mim. Ele preparou as pessoas intelectualmente para mim, agora é o meu trabalho tirar essas pessoas das profundesas do intelecto, para o coração, e das profundesas do coração, para o ser.

Osho, Socrates Poisoned Again After 25 Centuries, Talk #25

 

Isto é o que Krishnamurti tem dito continuamente por quarenta, cincoenta anos: "Não siga alguém. As pessoas podem evoluir sem seguir ninguém", mas o caminho é árduo e muito longo, e porque você não está pronto para aceitar qualquer ajuda ou orientação, que fosse oferecida a você – o que está disponivel e que poderia cortar muitas dificuldades desnecessárias no seucaminho. Isto é o que Krishnamurti vinha dizendo – mas ninguém fez isso.

Este é o problema da mente. A mente pode aceitar – e aceita,não porque tenha entendido, mas porque o ego é condicionado a não seguir ninguém. Ninguém quer seguir alguém. No fundo, o ego resiste.

Então, em torno de Krishnamurti todos os egoístas se reuniram. Eles estão enganando a si mesmos novamente. Eles pensam que não estão seguindo ninguém, porque eles entenderam a falácias de ser seguidores, eles entenderam que o caminho tem de ser percorrido sozinho, eles entenderam que nenhuma ajuda é possível, ninguém pode ajudá-los, ninguém pode guiá-lo, você tem que viajar sozinho. Eles pensam que entenderam isso, e é por isso que eles não estão seguindo ninguém. Isso não é real – eles estão se enganando. Eles não são seguidores  porque seus egos não permitem isso.

E ainda eles vão ouvir Krishnamurti. Durante anos. juntos, eles vão de novo e de novo.

Se nenhuma ajuda é possível, por que vai você de novo e de novo para Krishnamurti? Se ninguém pode te guiar, qual é a razâo de ouvi-lo de novo e de novo? É inútil. E mesmo com essa atitude, que você tem de percorrer o caminho sozinho, a qual voce não conhece foi revelado a você por Krishnamurti. No fundo, ele se tornou seu mestre. Mas você continua dizendo que você não o segue – isto é um engano.

O mesmo engano pode acontecer a partir do lado oposto. Você vem para mim, você acha que você se rendeu, e ainda você continua escolhendo. Se eu disser algo que serve para você – isso significa que serve ao seu ego – você leva em frente. Se eu disser algo que não combina com o seu ego, você começa a racionalizar: "Isto pode não ser para mim". Então você acha que você que não precisa desse algo, e você na verdade precisa.

As pessoas ao redor Krishnamurti acham que eles não estão seguindo ninguém, mas eles estão seguindo.  Em torno de mim você pensa que está me seguindo e você não está me seguindo. A mente é sempre enganadora. Onde quer que vá, pode enganá-la, ela irá enganá-la – por isso, esteja alerta.

Osho, My Way: The Way of the White Clouds, Talk #12

 

J. Krishnamurti, um homem que lutou por 90 anos – suas últimas palavras têm um grande significado. Um dos meus amigos estava lá present. Krishnamurti lamentou, lamentou sobre toda a sua vida. Ele lamentou que "as pessoas têm me levado como uma diversão. Eles vêm para me ouvir ... "Há pessoas que ouviram a ele por 50 anos continuamente e ainda assim eles são as mesmas pessoas como eram quando vieram ouvi-lo pela primeira vez.

Naturalmente, é chato e irritante que as mesmas pessoas ... A maioria deles eu sei, porque J. Krishnamurti  costumava vir apenas uma vez por ano por duas ou três semanas para Bombaim, e lentamente, lentamente todos os seus seguidores em Bombaim me conheceram. Todos eles estavam tristes sobre uma questão: O que deve ser feito? Como podemos fazer Krishnamurti feliz? O motivo foi que só Krishnamurti falou, mas nunca deu qualquer ferramenta para que se tornasse uma experiência, o que ele estivesse falando. Foi totalmente culpa dele. Tudo o que ele estava dizendo era absolutamente certo, mas ele não estava criando o clima certo, o meio adequado para que ele podesse se tornar uma semente. É claro que ele estava muito desapontado com a humanidade, e que não havia uma única pessoa que tinha se tornado iluminada através de seus ensinamentos. Seus ensinamentos têm todas as sementes, mas ele nunca preparou o terreno para plantá-las.

O Zen não nega o entretenimento da maneira que J. Krishnamurti condenou-o em seu último testamento para o mundo. Ele disse: "A religião não é entretenimento". Isso é verdade, mas a iluminação pode ser grande o suficiente para incluir entretenimento nela.

Iluminação pode ser multidimensional. Ela pode incluir o riso, ela pode incluir o amor, ela pode incluir a beleza, ela pode incluir a criatividade. Não há nada que mantenha a iluminação fora do mundo ou de transformar o mundo em um lugar mais poético e um jardim mais bonito. Tudo pode ser levado a um estado de graça melhor.

Osho, Rinzai : Master of the Irrational, Talk #5